Jogo de negócios com base em experiência para o dia da integração de pessoal

Publicado a 05/07/2018

Porque devem as empresas organizar dias de integração para os seus colaboradores?

A integração dos colaboradores através de várias atividades melhora a produtividade da organização. É um facto. Isso acontece porque pessoas que se conhecem melhor e sabem como se comportam em situações diferentes, não apenas no trabalho, são simplesmente mais eficientes. Têm melhores relacionamentos, sabem mais um sobre o outro. De certa forma, podem contar uns com os outros em várias situações que ocorrem naturalmente também no trabalho.

The Tree of Life Experiential Business Game

Que preocupações tinha?

Foi definitivamente o maior jogo que organizei em termos do número de participantes. Fi-lo duas vezes, em duas organizações diferentes e foram duas experiências completamente diferentes. A primeira vez estava bastante ansioso - havia cerca de 130 ou 150 pessoas. O jogo foi jogado no estrangeiro, na Grã-Bretanha. Os participantes eram de todos os continentes. Não era uma equipa homogénea, mas as pessoas estavam de alguma forma interligadas.

Houve muitas dúvidas. Primeiro de tudo, o jogo foi realizado inteiramente em inglês, equipas funcionais eram de diferentes países e continentes. Então sim, eu tive preocupações. Mas no decorrer do jogo, descobriu-se que essas preocupações eram completamente infundadas. No início, as coisas começam-se a mover lentamente e depois há uma fase super dinâmica quando todos começam a correr, carregar cartões e juntar informação. Cada mesa decide - mais cedo ou mais tarde - uma estratégia. Alguns líderes aparecem naturalmente. É um completo caos.

The Tree of Life Experiential Business Game

Porque escolheu a atividade "The Tree of Life"?

Eu costumava organizar vários encontros, digamos dias de integração que envolvem algumas atividades físicas, desportos. Sem dúvida, também ajudam a aprender algo e são úteis. Mas os jogos foram para mim uma descoberta, em primeiro lugar, porque fornecem integração de equipa e, em segundo lugar, abordam com muita precisão as áreas que pessoalmente considero muito importantes para a organização. Eu fiquei mesmo impressionado. O jogo "The Tree of Life" é uma combinação de integração e diferentes aspetos e fases pelos quais cada empresa passa.

Para mim, os elementos-chave que se tornam aparentes no jogo "The Tree of Life" são o compromisso dos colaboradores e a concentração para atingir os objetivos. Muito rapidamente todas as competências de liderança ficam evidentes. As pessoas agarram os seus papéis muito rapidamente e demonstram um alto nível de energia que pode ser facilmente transferido - mais tarde durante a discussão do jogo - para a vida real no trabalho, no escritório e muitas vezes em situações do quotidiano.

The Tree of Life Experiential Business Game

A atividade "The Tree of Life" é adequada para uma empresa externa?

Sim. Nós organizamos o jogo "The Tree of Life" para uma empresa externa. 110 pessoas participaram no jogo. Foi tudo planeado com muita precisão e o jogo foi organizado como um elemento coerente do principal objetivo externo. Neste momento, conversamos muito sobre as coisas cruciais para a empresa, eu tinha-me recentemente juntado à empresa como líder e discutimos questões tão fundamentais como o nosso objetivo, os nossos valores, as nossas prioridades e a visão que desejamos alcançar.

A visão que apresentamos para toda a equipa - partilhamo-la como uma equipa de gestão - foi chamada de Duplo Retorno (do inglês "Double Payback"). A tarefa final do jogo foi, depois de todas as etapas que passamos, duplicar a pontuação. O jogo correu tão fantasticamente bem e foi jogado com tanta energia que finalmente conseguimos triplicar a pontuação. Foi maravilhoso, pois fez todos acreditarem que, se a organização está focada nos seus objetivos e entende as suas prioridades, então completa as tarefas muito rapidamente, mesmo sob pressão de tempo e é capaz de não só alcançar o resultado que é uma visão - porque duplicar a pontuação é uma excelente visão, mas pode fazer ainda mais, e triplicar a pontuação inicial. É uma dose muito alta de autoconfiança. Se toda a organização estiver focada no mesmo objetivo, podemos alcançar tudo.

Todos os Estudos de Caso